História da fundação  de Monte Verde

Egydio Coelho da Silva

 

Capítulo IV– Doações: datas importantes

 

As primeiras doações foram para

a Escola e Parque florestal

 

Verner Ginberg e Emília, fundadores de Monte Verde
(ECS: Fotos de 19-12-1999, almoçando no Green Village Hotel)

As primeiras foram para a Escola e Parque Florestal

As primeiras doações de terreno para ser utilizado pela comunidade, segundo informa Verner Grinberg, foram para a Escola e Parque Florestal.
De fato na escritura lavrada em 10-09-1.971, no 2.º Tabelionato de Camanducaia, consta a doação de terrenos para o Estado de Minas Gerais: 
“o primeiro à instalação de estabelecimentos escolares e o segundo à conservação do Parque Florestal”.

Consta também da escritura “que a presente doação é efetivada em termos de agradecimentos ao Estado de Minas Gerais pela imediata construção da Estrada Rodoviária, ligando a Vila de Monte Verde à Rodovia Fernão Dias”.
Embora seja uma data importante do ponto de vista histórico, não pode caracterizar o nascimento de Monte Verde.
Se houvesse outro documento robusto, como é a escritura de venda de terrenos em 29 de novembro de 1950, esta data poderia ser considerada a da fundação da cidade.
A primeira doação ou construção de um de um bem para uso de uma comunidade, na ausência de outra prova mais robusta em data anterior, normalmente é adotada pelos historiadores como data de fundação de uma comunidade.

Em 1.971, Monte Verde já era cidade há bastante tempo.

Outra data importante é 14-02-1.977, quando passou para distrito, porém, menos ainda, seria a data de sua fundação.
 

Volta à página inicial da História

da Fundação de Monte Verde